Sexta-feira
21 de Janeiro de 2022 - 

Previsão do tempo

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
29ºC
Min
24ºC
Predomínio de

Sábado - Rio de Janeiro, R...

Máx
29ºC
Min
24ºC
Predomínio de

Domingo - Rio de Janeiro, R...

Máx
30ºC
Min
24ºC
Parcialmente Nublado

Hoje - Rio de Janeiro, RJ

Máx
29ºC
Min
24ºC
Predomínio de

Sábado - Rio de Janeiro, R...

Máx
29ºC
Min
24ºC
Predomínio de

Domingo - Rio de Janeiro, R...

Máx
30ºC
Min
24ºC
Parcialmente Nublado

TJ do Rio comemora o Dia da Justiça com entrega do Colar do Mérito Judiciário, celebração religiosa e homenagem

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro comemora nesta quarta-feira (8/12) o Dia da Justiça com solenidades e homenagens a todos que prestam, de forma direta ou indireta, relevantes serviços à cultura jurídica e ao Poder Judiciário Fluminense. O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Henrique Carlos de Andrade Figueira, vai presidir o evento, que terá o seu ponto alto na entrega do Colar do Mérito Judiciário a 35 personalidades, entre as quais o governador do Rio de Janeiro, Claudio Bonfim de Castro e Silva.  A abertura será às 10h, com a realização da solenidade de inauguração do retrato do desembargador Claudio de Mello Tavares, que presidiu o TJ no biênio 2019/2020, na Galeria dos Retratos dos Presidentes do Tribunal de Justiça.   A solenidade prossegue com a celebração de um culto ecumênico. Às 11h30, tem início a entrega das condecorações do Colar do Mérito Judiciário.  Agraciados  Além do governador Claudio Castro, receberão as condecorações o presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Andre Ceciliano; o ministro Kassio Nunes Marques, do Supremo Tribunal Federal; a ministra Maria Thereza Rocha de Assis Moura, corregedora nacional de Justiça; o ministro Jorge Oliveira, do Tribunal de Contas da União; o vice-almirante Arthur Fernando Bettega, comandante em chefe da Esquadra; o major-brigadeiro do ar Luiz Guilherme Silveira de Medeiros, comandante do Terceiro Comando Aéreo Regional; o procurador-geral de Justiça do Rio de Janeiro, Luciano Oliveira Mattos de Souza; o desembargador federal Messod Azulay Neto, presidente do Tribunal Regional Federal da 2ª Região; a desembargadora Edith Maria Corrêa Tourinho, presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região; o desembargador Paulo Sérgio Velten Pereira, corregedor de Justiça do Estado do Maranhão e presidente do Colégio Permanente de Corregedores Gerais dos Tribunais de Justiça do Brasil; o coronel Leandro Sampaio Monteiro, secretário de Estado de Defesa Civil e comandante-geral do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro; o secretário Nicola Moreira Miccione, da Casa Civil do Rio de Janeiro; o procurador de Justiça do Rio de Janeiro Carlos Cícero Duarte Júnior; a procuradora de Justiça Marcia Rodrigues de Oliveira Piñeiro; o procurador do estado do Rio de Janeiro Marcello Cinelli de Paula Freitas; os advogados Alberto de Orleans e Bragança, Alberto Pavie Ribeiro; Cristiane de Medeiros Brito Chaves Frota; o empresário Paulo Roberto Bandeira de Mello e Sidnei Gonzalez dos Santos, diretor da Fundação Getúlio Vargas/ Conhecimento.   O Colar do Mérito Judiciário também será entregue aos desembargadores do TJ do Rio, Alexandre Scisínio; Fernanda Fernandes Coelho Arrábida Paes e João Batista Damasceno. Os juízes homenageados serão Hevelise Scheer, da Vara Única da Comarca de Bom Jardim; Marcelo Martins Evaristo Silva, da Região Judiciária Especial – 1º Grupo; Bruno Vinicius da Ros Bodart da Costa, em exercício na Turma Recursal Cível; Almir Carvalho, da 2ª Vara de Família da Comarca de Itaboraí; e Hele Maria Loukides (post mortem).  Serão homenageados os servidores Virna Amorim, diretora-geral de Tecnologia da Informação; Leandro Sarmento D’Ornellas, analista judiciário; Rui Batista Martins, oficial de Justiça avaliador; Felipe Zacchê Diniz, técnico de atividade judiciária, Jorge Antônio Silveira Dias (Tatu), garçom; e Wagner Xavier de Queiroz (post mortem), ascensorista.   Colar do Mérito Judiciário  O Colar do Mérito Judiciário foi instituído pela Resolução nº 14, de 2 de dezembro de 1974, do TJRJ. De grau único, a condecoração é uma medalha tipo comenda, em metal dourado, esmaltada em azul e branco, tendo ao centro a insígnia do Estado do Rio de Janeiro com a inscrição “Tribunal de Justiça, ano de 1974”, a ser usada com fita azul e branca. A outorga do colar é realizada em solenidade do Tribunal de Justiça no dia 8 de dezembro de cada ano, quando se comemora o “Dia da Justiça”.  PC/FS
07/12/2021 (00:00)
Visitas no site:  692545
© 2022 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.